Dúvidas Frequentes FIES Financiamento Estudantil Intercâmbio Notícias SiSU Universidades

Você sabe mesmo o que é e para que serve o ENEM?

Imagine só você fazer a faculdade dos seus sonhos e ainda ter uma bolsa de estudos de até 100% de desconto. Ou então viajar para estudar fora do país em uma faculdade por meio do programa do governo federal Ciência Sem Fronteiras. E mais, não tem dinheiro para pagar a faculdade? Pense em poder cursá-la inteiramente e só começar a pagar as mensalidades depois de formado e quando já estiver exercendo a função que tanto gosta?

Achou impossível? Pois não é. Quer uma boa notícia? Com o ENEM você é capaz de ter todas essas oportunidades. Basta ter foco e levar os estudos de preparação a sério. E para te contar sobre esses caminhos que o Exame Nacional do Ensino Médio é capaz de te proporcionar, listamos no post de hoje alguns deles que facilitarão suas escolhas. Então atente-se e acompanhe conosco!

As várias oportunidades oferecidas

Seja para universidades públicas ou particular, o ENEM abre portas para que os alunos que estão às vésperas de concluir o ensino médio possam ingressar no curso que desejar. Esse ingresso ainda pode ser junto de programas como o PROUNI, o Ciência Sem Fronteiras, o FIES, entre muitos outros. Para se adequar a cara programa, é necessário obter uma nota mínima requerida por ele.

Bolsas em instituições particulares – PROUNI

Entre os principais requisitos para ser inserido no Programa Universidade para Todos é ter cursado 100% do ensino médio em escola da rede pública ou na condição de bolsista integral em escolas privadas. Isso é o pré-requisito para que o candidato possa receber bolsas parciais e até integrais em instituições particulares de ensino superior.

Para bolsas integrais, o candidato deve ter renda familiar bruta mensal de até um salário mínimo e meio por pessoa. E o candidato que quiser se inscrever para concorrer a bolsas parciais de 50%, a renda familiar bruta mensal deve ser de até três salários mínimos por pessoa. Além, a nota mínima no ENEM deve ser de, no mínimo, 450 pontos e não ter zerado a redação.

Intercâmbio – Ciência sem Fronteiras

Na busca por ampliar as oportunidades de intercâmbio para estudantes os brasileiros, o Programa Ciência sem Fronteiras veio como uma opção para quem já ingressou na universidade pública e busca novas experiências em sua área fora do Brasil. Para concorrer ao programa, é preciso ter obtido nota no Enem superior ou igual a 600 pontos somados, em exames realizados a partir do ano de 2009.

Ingresso em universidades públicas – SiSU

O processo de seleção do Sistema de Seleção Unificada acontece duas vezes por ano e abrange alunos que desejam ingressar em cursos de universidades públicas. A nota do ENEM é fundamental nesse, pois o SiSU seleciona os alunos através do desempenho obtido na avaliação do ano anterior a data de inscrição no programa. Nesse processo, você não pode ter zerado a nota da prova de redação. E claro, nós temos as melhores dicas para você conseguir uma nota excelente nessa parte da prova!

Financiamento estudantil – FIES

Criado para financiar o custo de uma instituição de ensino superior particular, o Programa de Financiamento Estudantil, a partir do ano de 2010, pode ser solicitado em qualquer período do ano de acordo com a necessidade do estudante. Veja as novas regras para o FIES em 2016 neste post.

Ingresso no ensino técnico – PRONATEC

O PRONATEC, Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego, oferece cursos de educação profissional e tecnológica aos estudantes. A inscrição deve ser realizada através de cadastro no SISUTEC, Sistema de Seleção Unificada da Educação Profissional e Tecnológica. As vagas são destinadas, principalmente, aos alunos que cursaram o ensino médio inteiro na rede pública ou com bolsa integral em instituições privadas.

UPDATE: A partir do Enem 2017, não é mais possível usar a nota da prova para obter o certificado de conclusão do ensino médio.

Comprovante de conclusão do ensino médio

Os alunos que possuem mais de 18 anos e ainda não concluíram o ensino médio podem utilizar do ENEM a fim de concluir esta etapa do processo de ensino. Para isso, bastam declarar, no momento da inscrição no exame, o desejo na certificação. Na prova, devem ter obtidos, no mínimo, 450 pontos em cada uma das áreas de conhecimento e 500 pontos na redação. Compete às Secretarias de Educação dos Estados e aos Institutos Federais de Educação, Ciência e Tecnologia a emissão dos certificados. O processo de certificação é ideal para as pessoas que precisam concluir o ensino médio e buscam oportunidades que isso seja requerido. Lembre-se que após concluída essa etapa, é importante também a elaboração de um bom currículo.

Achou interessante todas as possibilidades que o ENEM te dá? Quer saber mais sobre os horários ideais para se inscrever nesse Exame que já ultrapassou mais de 8 milhões de inscritos só no ano de 2015? Então descubra aqui e fique atento aos prazos!

Compartilhe nas redes sociais:

Deixe um comentário