Dúvidas Frequentes FIES Financiamento Estudantil

O que mudou no Novo Fies?

O Fies foi criado em 2001 e passou por reformulações nos últimos anos. As mais significativas aconteceram em julho de 2017, com o lançamento do Novo Fies.

O FIES é um programa do Ministério da Educação que tem como objetivo conceder financiamento a estudantes em cursos superiores não gratuitos.

O novo FIES é um modelo de financiamento estudantil moderno, que divide o programa em diferentes modalidades, possibilitando juros zero a quem mais precisa e uma escala de financiamentos que varia conforme a renda familiar do candidato.

O que mudou com o Novo Fies?

O novo FIES agora tem como pilares a ampliação do acesso ao ensino superior, a maior transparência para os estudantes e para a sociedade, e a melhoria na governança e na sustentabilidade do Fundo. O novo FIES está dividido em três diferentes modalidades, possibilitando juros zero a quem mais precisa e uma escala de financiamento que varia conforme a renda familiar do candidato.

Na 1ª modalidade, o novo FIES ofertará vagas com juros zero para os estudantes que tiverem uma renda per capita mensal familiar de até 3 salários mínimos. Nessa modalidade, o aluno começará a pagar as prestações respeitando o seu limite de renda, fazendo com que os encargos a serem pagos pelos estudantes diminuam consideravelmente.

As outras 2 modalidades de financiamento são para estudantes com renda familiar de até 5 salários mínimos. Elas funcionarão com recursos dos Fundos Constitucionais e de Desenvolvimento.

Como funciona o Novo Fies?

O novo FIES entrou em vigor no dia 2 de janeiro de 2018, sendo que, para poder concorrer a uma vaga, o candidato deverá cumprir por antecipação os seguintes requisitos:
• ter feito uma das edições do ENEM a partir de 2010
• ter média igual ou superior a 450 pontos
• não ter zerado a redação

As inscrições para o FIES 2018 do primeiro semestre serão realizadas exclusivamente pela internet, no site fiesselecao.mec.gov.br de 19 a 23 de fevereiro.

Compartilhe nas redes sociais:

Deixe um comentário