Notícias SiSU Universidades

IFMS oferece 640 vagas em 8 municípios pelo Sisu

O Instituto Federal de Mato Grosso do Sul (IFMS) irá oferecer, por meio do Sisu, 640 vagas em 8 municípios do Estado para cursos de graduação com início no primeiro semestre letivo de 2016.

Serão 7 opções de cursos superiores de Tecnologia (Agronegócio, Alimentos, Análise e Desenvolvimento de Sistemas, Automação Industrial, Processos Metalúrgicos, Produção de Grãos e Sistemas para Internet), além do bacharelado em Agronomia e da licenciatura em Química.

As vagas serão para os municípios de Aquidauana, Campo Grande, Corumbá, Coxim, Nova Andradina, Ponta Porã, Três Lagoas, além de Naviraí, que vai oferecer pela 1ª vez um curso de graduação.

A previsão é que o edital com todas as regras do processo seletivo no âmbito do IFMS seja publicado ainda esta semana na Central de Seleção. O endereço é ifms.edu.br/centraldeselecao.

Inscrições

As inscrições deverão ser feitas entre os dias 11 e 14 de janeiro, exclusivamente pela página do SiSU. O cronograma completo da seleção pode ser visto neste link.

A seleção será restrita aos candidatos que realizaram o Enem em 2015 e que tenham obtido nota acima de zero na redação. O resultado do Enem será divulgado na próxima sexta-feira, dia 8 de janeiro.

Ação afirmativa

Metade das vagas será reservada a candidatos que cursaram todo o ensino médio em instituições públicas de ensino. Das vagas reservadas, 50% serão garantidas àqueles que comprovarem renda familiar per capita não superior a 1,5 salário mínimo.

Parte das vagas será destinada ainda àqueles que se autodeclararem pretos, pardos ou indígenas. O percentual é definido com base na proporção dessas populações no Estado, de acordo com o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

O candidato deverá manifestar a condição de beneficiário de ação afirmativa (cotas) no ato de inscrição.

Bônus local

O IFMS também aplicará uma ação afirmativa de caráter local. Os candidatos inscritos na ampla concorrência poderão ter um bônus de 20% sobre a nota do Enem.

Para isso, é necessário residir e ser domiciliado na área de abrangência do campus onde concorre à vaga. A relação dos municípios contemplados para cada campus irá constar do edital a ser publicado pelo IFMS.

Qualidade

De acordo com a pontuação obtida no Índice Geral de Cursos (IGC), elaborado pelo MEC, o IFMS se posiciona entre as 50 melhores instituições de ensino superior no país.

O Índice, divulgado junto com o resultado do Enade, é composto pelas notas do Enade e pelas avaliações do MEC sobre o corpo docente, a infraestrutura da instituição e a organização didático-pedagógica.

Compartilhe nas redes sociais:

1 comentário

  • Olá boa noite, gostaria muito de fazer uma faculdade,no momento não tenho condições de apaga,seria um sonho realizado si tivesse oportunidade e chance de receber uma bolsa gratuita, pelos órgãos públicos.muito obrigado

Deixe um comentário