Notícias Redação

10 prováveis temas para a redação do Enem

São duas as notas que os participantes do Enem têm que se preocupar. A nota da prova e a nota da redação, até porque, mesmo que o candidato vá bem na prova, se a nota da redação for baixa o candidato perde pontos na hora de brigar por uma boa vaga na universidade.

Por conta disso, listo 10 prováveis temas para a redação do Enem 2016, com isso, você pode estudar e se preparar melhor para a prova.

1. Impeachment

Hoje esse é o tema mais recorrente no Brasil, e vai continuar na mídia até a votação final do processo movido contra a presidente afastada Dilma Rousseff. Só que não apostaria tanto nesse tema, pois seria óbvio demais para ser escolhido.

2. Manifestações públicas

As manifestações públicas entraram nas discussões entre as pessoas de todas as idades e de todas as classes socais. É um tema com forte probabilidade de estar no Enem 2016 por ter sido parte importante em todo o processo de Impeachment. Estude a fundo as motivações de ambos os lados.

3. Endemias

Se eu tivesse que apostar em um tema, Endemias seria minha escolha. Com o crescente casos de doenças virais, não seria interessante escrever sobre isso no Enem? Zika Vírus, Dengue e Chikungunya, quantas vezes você ouviu falar disso nos últimos tempos?

4. Escassez de recursos hídricos

Falta de água era até então um problema de algumas regiões do Norte e Nordeste do Brasil, porém, faz dois anos que todo o Brasil vem sofrendo com isso. Vale estudar sobre as políticas públicas de combate à seca e o comportamento da população para evitar a falta d’água.

5. Questões étnicas raciais

Um tema de direitos humanos que anda sendo discutido cada vez mais na sociedade atual. São artistas que sofrem preconceito nas redes sociais, jogadores de futebol que são ofendidos quando estão em campo, pessoas comuns que sofrem todo tipo de preconceito na escola, trabalho ou em espaços públicos. Leia bastante sobre preconceito racial.

6. Olimpíadas

Agora em junho teremos os jogos olímpicos aqui no Brasil. Por conta disso você pode se deparar com o assunto como tema da redação do Enem 2016.

7. O limite da estética e da saúde

Recentemente li que o mercado de estética cresce a números exorbitantes ano após ano. A grande maioria dos casos são procedimentos que as pessoas fazem por vaidade e acabam prejudicando a própria saúde. Vide casos recentes de celebridades que passaram por complicações ao aplicar produtos para melhorar o próprio corpo. Faça a seguinte pergunta: “Até onde uma pessoa pode ir para atingir a sua exigência em relação à beleza. A busca pelo corpo perfeito com dietas e cirurgias plásticas tem limite? Estude buscando pela resposta.

8. Liberdade de expressão

Redes sociais são palanques onde se diz de tudo. E a liberdade de expressão é usada para defender tudo o que se fala. Mas até que ponto a liberdade de expressão pode ser usada para justificar determinados atos?

9. Intolerância religiosa

A carnificina que está sendo promovida pelo Estado Islâmico, o ataque à revista Charlie Habdo e casos aqui no Brasil, fazem com que a intolerância religiosa seja um possível tema no Enem 2016. O respeito aos diferentes tipos de crenças e rituais religiosos pode ser uma via de estudo, aqui no Brasil por exemplo, há muito preconceito com religiões de origem africana.

10. Corrupção

A Operação Lava-Jato tirou o pano que cobria a corrupção no Brasil. Já faz dois anos que ela está todos os dias nos principais canais de comunicação. Assunto polêmico pois envolve muitos políticos e grandes empresas. Há muito material disponível sobre a operação e a corrupção dentro da Petrobrás. Forte candidato para ser o tema da redação deste ano.

Nesse mesmo tema Corrupção, vale ler também sobre a corrupção na FIFA. Como o Brasil recentemente sediou a última edição da Copa do Mundo e muito do que aconteceu aqui ajudou na prisão de vários envolvidos, o tema também tem chance de fazer parte do Enem. Vale lembrar que as próximas duas edições da Copa do Mundo também estão sendo investigadas e há fortes indícios de corrupção nelas também.

Compartilhe nas redes sociais:

1 comentário

Deixe um comentário